Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
Como transportar o seu animal em segurança na mudança
Rate this post

Mobília no caminhão, família dentro do carro, animalzinho dentro do carro no colo das pessoas, tudo certo para a mudança? Claro que não. Você notou que todos que estão dentro do caminhão e do carro estão em segurança menos os animais? Na hora de participar de alguma mudança é necessário um maior cuidado com os seus bichinhos, não vai arriscar a vida dos seus animais sendo que nem as suas mobílias correm sério risco de acidentes não é mesmo? Quem tem animal em casa sabe da importância deles para as nossas vidas, atrás da nossa própria família, eles são as peças mais importantes para uma maior alegria no ambiente do nosso lar.

É de extrema importância que os seus animaizinhos estejam em segurança na hora da mudança de residência. Algumas medidas de precaução têm de serem tomadas para que não aconteça nada de ruim com o seu cãozinho, gato ou qualquer outro animal de estimação que você tenha. Sabemos também que as leis de trânsito estão cada dia mais rígidas, animais no colo ou com a cabeça para fora do veículo são consideradas infrações e pode causar multas para o condutor do veículo.

Para fazer com que não aconteça nada de ruim com o seu animal em decorrer da sua viagem, tome os devidos cuidados necessários. Confira abaixo como transportar o seu animal de estimação em segurança na mudança:

  1. Transporte na caixinha recomendada
    Quem é acostumado a carregar os seus animais de estimação para as suas viagens já deve ter em casa uma dessas caixinhas. Esses produtos foram criados justamente para isso, para o transporte de animais, além de um devido conforto, dentro dela o bichinho estará bem mais seguro já que a caixa é fixada no banco traseiro do veículo. Se o seu medo for ganhar alguma multa é recomendável que compre esse produto já que o mesmo é permitido perante a lei.
  2. Coleira Peitoral
    Outra medida de precaução adotada, principalmente, por donos de cães de porte grande é o uso de uma coleira peitoral. Esses produtos são comercializado em quase todos os Pet Shops do Brasil. Essas coleiras podem ser encaixadas no mesmo local do cinto de segurança, ou melhor, elas são consideradas o cinto de segurança desses animais. Prendendo o seu animal a essa coleira ele estará bastante seguro, se acontecer qualquer tipo de impacto mais leve, assim como o ser humano com cinto de segurança, o animal apenas terá um impacto para frente mas não sofrerá nenhum tipo de trauma já que a coleira é presa a uma das partes mais fortes do animal, o peito.
  3. Cadeirinha para animais
    Nos dias atuais são várias as formas de transportar os seus animais, um deles é o uso da cadeirinha. Você com certeza já deve ter usado algum tipo de cadeirinha, principalmente, se você tem um(a) filho(a). Pensando na segurança dos animais foi criado uma cadeirinha específica para cães de porte pequeno, nelas o seu animalzinho estará em grande segurança e você certamente não terá maiores problemas, seja com a segurança do animal ou com alguma lei do código brasileiro.

As opções 1 e 2 citadas acima, como dito, têm sim uma recomendação específica de tamanho, porém, não é nada difícil encontrar esses produtos em tamanhos adequados, ou seja, não importa qual seja o tamanho do seu cão ou gato, é sempre bom se adequar a ele, teste as duas formas e veja em qual delas ele fica mais confortável. Depois de fazer essa experiência, basta adquirir o produto no qual ele mais se identificou. Lembrando que todas as formas citadas acima são legais perante a lei, ou seja, em relação a esse assunto você não obterá nenhum problema.

Reforçando! Nunca assuma o risco de deixar seu animal solto dentro do carro e muito menos de deixá-lo com a cabeça para fora do veículo. Preserve a segurança sua e do seu animalzinho, não custa nada adotar uma dessas medidas.

Ao ligar, não esqueça de falar que encontrou essa empresa no Portal de Mudanças.